A.·. A.·.
Menu » Estudante » Biografias » Adjuvo/Ever
A+-
Estudante

Biografias

marcelo motta

" Nunca tenhas medo de lutar pela Verdade e pela Justiça e perdoai os vossos adversários - mas vencei-os antes!"

Carta a um Maçon

 

Nascido em 27 de Junho de 1931, Marcelo Ramos Motta foi o responsável pela vinda da A.·. A.·. e Ordo Templi Orientis para o Brasil e pela ampla divulgação de Thelema no nosso país.

Figura controversa, Adjuvo foi um misto de insano e incansçavel guerreiro naquilo que mais amava. Desde a adolescência interessava-se por ocultismo e supriu tal necessidade através da leitura de vários autores: Vivekananda, Eliphas Levi, Papus, Blavatsky, Paracelso entre outros. Posteriormente filia-se a AMORC e logo se decepciona com a escola iniciática. Mais tarde filia-se a FRA.

Indo aos E.U.A., aos 22 anos, completar seus estudos, Adjuvo encontra-se com Parzival Krumm Heller líder da FRA. Antes em Portugal, adquire o livro chamado " The Great Beast" onde descobre uma frase que fazia parte do ritual de iniciação da ordem, " Faze o que tu queres há de ser tudo da Lei". Isso muito o espantou, pois nunca havia ouvido falar de Aleister Crowley. Em 1953, por intermédio de Krumm Heller que o estava instruindo, Motta é apresentado a Karl Germer (Frater SATVRNVS). Krumm Heller escreveu sobre ele:

" Estou colocando você em contato com um iniciado muito mais avançado do que eu, porque acho que você se beneficiará mais da orientação dele do que da minha".

Germer, o herdeiro das obras de Crowley e tesoureiro da Ordo Templi Orientis , pede ao jovem Motta para escolher entre aA.·. A.·. e a Ordo Templi Orientis Motta escolhe a A.'.A.' .e passa a manter constante correspondência com SATVURNVUS, ficando sete anos como Probacionista. Em 1956 ganha o grau IX° da Ordo Templi Orientis e inúmeros documentos de seu instrutor, durante uma visita aos Estados Unidos.

Chega até Zelator daA.·. A.·. sob sua tutela, sendo reconhecidamente seu aluno mais avançado na Ordem (e único neste grau). Sob suas mãos é feita a primeira publicação thelêmica no Brasil: "Chamando os Filhos do Sol ".

Com a morte de Germer em 1962, segue-se uma vasta disputa sobre quem seria o líder da Ordo Templi Orientis no mundo e herdeiro de Crowley. Adjuvo levanta-se contra todos, mas perdeu na justiça americana. Ironicamente, os cabeças da ordo templi orientis na América do Norte foram todos seus discípulos na ordem ou na própriaA.·. A.·.

Porém, continuou seu forte trabalho no Brasil, divulgando Thelema através daA.·. A.·. , Ordo Templi Orientis e da Ordem de Thelema e galgando seu caminho na Santa Ordem. Há indícios na sua obra de que tornou-se um Magister Templi . Faleceu em 1987, em Petrópolis, de causas desconhecidas.

Deixou como herdeiros na Ordo Templi Orientis 3 pessoas:

- Willian Robert Barden (falecido) , que na Austrália criou a Fundação Parzival XI ficando com a administração dos copyrights OTO nos paises  da Comunidade Britânica;

- Cláudia Cannuto (que abriu mão)  ficando com a administração dos copyrights O.T.O nos paises de lingua portuguesa, francesa, italiana e espanhola;  

- Daniel B.Stone (retirado ao silêncio), ficando com a administração dos copyrights O.T.O nos E.U.A.

Adjuvo possuiu outros alunos na A.·. A.·. e poucos deram continuidade a sua obra, como Frater Thor no Brasil.

Obras - textos e palestras.

Áudios - canal da A.·. A.·..

 

Linha do Tempo

 

1931

- 27 de Junho - Marcelo Motta nasceu na cidade do Rio de Janeiro.

1944

- devotou-se “a Serviço da Humanidade”, como escreve na sua biografia.

1948

- 19 de Agosto – iniciou-se na F.R.A.

1952

- decidiu sair do Brasil para Europa e depois E.U.A. Em Lisboa um livro chama atenção: “The Great Beast”. Uma foto de Crowley no livro é a mesma que viu na FRA.

- encontrou Parsival Krumm-Heller. Ficou impressionado ao ter, segundo ele, contato com um verdadeiro iniciado.

- nos E.U.A. foi a Quakertown, PA, para encontrar R.S. Clymer (AMORC) mas conversa com o seu filho. Em seguida dirige-se a Nova York.

1953

- 20 de Abril – recomendado por Krumm-Heller, travou contato com Karl Germer e entrou na A.'.A.'..

1954

- visita ao Brasil rapidamente. Pensa em oferecer duas traduções de livros de Crowley a editora Pensamento mas desiste.

1956

- no final do ano visita Germer em Barstow, Califórnia a pedido do mesmo onde tem acesso total a sua biblioteca. Recebe dele o grau IX° O.T.O. .

1957

- Janeiro - Neste conhece os membros da O.T.O. Californiana, Jane Wolf, Phyllis Seckler, Grady McMurtry, Helen Parsons Smith etc.

- chega ao grau de Neófito no primeiro semestre, pouco antes de casar, nos E.U.A. Com ajuda de sua esposa supera um grande ordálio pessoal.

1960

- Detido pela policia americana durante 48 horas em Baton Rouge, Louisiana.

- realiza o Juramento do Abismo e assume como a nova Besta como clímax da passagem ao grau de Neófito.

1961

- separar-se da esposa e perde a guarda dos seus filhos, voltando assim, definitivamente ao Brasil.

- morre a sua mãe e recebe uma pequena herança.

- 23 de Setembro – publica no Brasil e nos E.U.A. Liber Aleph (pela primeira vez publicado.

- 13 de Novembro – Germer escreve a Motta afirmando que seu discípulo uniu-se a corrente thelêmica. Prevendo a própria morte Germer, considera a transferência para o Brasil de sua biblioteca. Mais tarde, em Janeiro do ano seguinte, lembra que Frank Bennett possui uma também sendo útil Motta estar de posse da mesma.

- 17 de Dezembro - em carta diz que, com a aprovação dos Chefes Secretos, 666 e Aiwas, torna-se a Besta Encarnada, O Sacerdote dos Príncipes, o cabeça da A.'.A.'.: "Aleister Crowley está morto e Adjuvo ascendeu ao seu lugar e obra. O Rei está morto; Deus salve o Rei".

- 23 de Dezembro - Germer escreve a Motta repreendendo-o severa e ofensivamente por ter realizado o Juramento do Abismo.

- 30 de Dezembro - em carta a Germer, revela o desejo de realizar o trabalho coletivo thelêmico com a Ordem de Thelema e não com a ordo templi orientis e a Igreja Católica Gnóstica. Confessa estar com dúvidas quanto a ser ou não a nova Besta: "Eu certamente posso estar errado, espero uma confirmação, ou não, da sua parte".

1962

- Abril - publica “Chamando os Filhos do Sol”.

- 20 de Abril – Germer escreve a Motta oferecendo-o a permissão de trabalho dos três primeiros graus da ordo templi orientis e com a Ordem de Thelema. Esta carta nunca chega a Motta.

- 30 de Maio - escreve a Germer dizendo que pretende iniciar um ramo da O.T.O no Brasil. Começou, pouco antes, a traduzir Liber 65.

- 9 de Junho - Germer escreve a Motta esclarecendo as questões dos graus que o seu discípulo clamou ter alcançado, dando exemplo do ocorrido com Achad, Belarion, Majorie Cameron e outros referindo-se aos "Clubes dos Filhos Mágicos e Clubes das Babalons". Deixa a cargo dele se deseja se juntar ou não aos "clubes".

- 5 de Julho - Motta escreve a Germer reconhecendo seus erros, principalmente em assumir o lugar de 666, submete-se a autoridade do seu instrutor, numa significativa manifestação de humildade.

- chega ao grau de Zelator da A.'.A.'..

- 12 de Outubro – Germer, do hospital, escreve a Motta sua ultima carta.

- 25 de Outubro - Karl Germer morre. Sua esposa escreve a Motta comunicando o fato. Motta responde não acreditando. Dia 30 ela confirma a morte.

- 9 de Dezembro – Phyllis Seckler escreve a Motta sobre a Morte de Germer. Ambos trocam várias cartas e, numa delas, afirma que no testamento Motta é seu “herdeiro místico”. Segue-se uma confusão sobre os direitos da biblioteca. A distância, Motta pouco pode fazer ficando com os americanos os pertences de Germer e Crowley.

- Euclydes Lacerda de Almeida escreve a Marcelo Motta após ler “Chamando os Filhos do Sol”.


1963

- conhece pessoalmente Frater Thor (Euclydes Lacerda de Almeida).

- 9 de Julho – escreve “Carta a um Maçon”.

1964

- entrega a Euclydes a tradução de “Comentários de Al”.

- manda recolher “Chamando os Filhos do Sol” para não ser associado com o governo militar, segundo ele.

1965

- inicia no judô para treinar mente e corpo pois começa a duvidar de sua sanidade.

- tem roteiros para televisão recusados.

- encerra seu “período de loucura” iniciado em 1960, como dito no julgamento na Califórnia em 1985.

1967

- realiza o Juramento do Abismo (novamente) após concluir as tarefas da primeira e segunda ordens da A.'.A.'. . Assume o grau XI° O.T.O.

1969

- 3 de Julho - inicia os trabalhos de viajem astral com Liber 231. Termina em 1975.

- Começa a trabalhar na industria do cinema como assistente de José Mojica Marins (o Zé do Caixão).

1970

- 27 de Março – atraves do traballho em Liber 231, descobre o seu "lugar na Ordem" (A.'.A.'. ). A sephirah de Geburah.

- 28 de Outubro – escreve a Kenneth Grant pela primeira vez.

1973

- conhece a Soror Khali Athena.

- produz e dirige um filme chamado O Judoka, baseado em um personagens de história em quadrinhos brasileiro (editora EBAL).

- patenteia Euclydes com os três primeiros graus da Ordo Templi Orientis

- 18 de Dezembro - reconhecendo uma consecução de Euclydes oferece a ele o grau de Neófito da A.'.A.'..

1974

- 25 de Junho - envolve-se em um acidente no carro (na verdade Kombi) de Mojica. Na epoca estava trabalhando na produção do filme O Exorcismo Negro.

- Julho - Paulo Coelho discute com Motta sobre o processo iniciático (na verdade, o episodio da tortura pela ditadura em Junho). No dia 6 escreve uma carta pedindo para sair da A.'.A.'. (mas não envia ao seu instrutor, Thor).

- 9 de Novembro - escreve a Euclydes orientando sobre a organização de O.T.O. , referindo-se ao grupo que estava sendo criado: a Sociedade Novo Aeon.

1975

- 28 de Março - termina a experiencia com Liber 231.

- 15 de Julho - rompe com Frater Thor.

- 22 de Setembro - publica nos E.U.A. The Equinox Vol.5 n. 1  (“The Commentaries of Al”). Motta alterou os comentários argumentando que o próprio Crowley considerou várias partes magicamente inuteis decidindo pelo feito com Karl Germes.

- Escreve as seguintes musicas para Raul Seixas no disco Novo Aeon: Tente Outra Vez (com Raul e Paulo Coelho), A Maçã (com Raul e Paulo Coelho), Eu sou Egoista (com Raul), Peixuxa (com Raul) e Novo Aeon (com Raul).

1976

- 21 de Março – publica no Brasil “O Equinócio dos Deuses”, Livro 4 parte 4 (sendo O Equinócio no Brasil, V. 1 , n° 1).

- 11 de Maio - começa a reformular os rituais da Ordo Templi Orientis por causa da publicação dos mesmos por Francis King.

- Cria a F.A.A. Ordo Templi Orientis em Ribeirão Preto, SP (antes cria um grupo na cidade de São Paulo).

- 11 de Novembro - o DGIE (Departamento Geral de Investigações Especiais) recebe uma denûncia de que Motta seria "traficante de entorpecentes". É feita a investigação e nada é provado contra ele. Escreve sobre o episodio no seu livro Ataque e Defesa Astral.

- Dirige um filme a pedido de José Mojica, A Estranha Hospedaria dos Prazeres. Aliás, Motta ha muito pedia uma oportunidade a Mojica para assumir a direção de um filme dele. Infelizmente a inexperiência de Motta na direção custou algum dinheiro a produção para refazer algumas cenas. No inicio das filmagens dá uma entrevista ao jornal Notícias Populares sobre uma caçada a um tal "Bebê-Diabo" na Bahia pois fora enviado por Mojica para caçar o tal ser. Na verdade tudo não passou de uma armação do veterano diretor.

- Dirige algumas cenas do filme de Mojica Inferno Carnal.

1977

- Dezembro - Motta é informado que suas correspondências trocadas com Germer estão circulando entre seus desafetos nos E.U.A.

1978

- Publica nos E.U.A (Nashville) Society Ordo Templi Orientis in America, Manifesto e Society Ordo Templi Orientis in America. Thelemic Political Morality.

1979

- funda a Loja Nuit em Ribeirão Preto, SP.

- publica nos E.U.A. The Equinox Vol.5 n° 2.

1980

- 22 de Setembro - faz um trabalho em cima do I Ching.

- escreve e dirige a pornochanchada Chapeuzinho Vermelho.

- publica nos E.UA. (Nashville) The Book of the Law vel Legis  pela Troll Publishing.

- publica nos E.U.A. The Equinox Vol.5 n° 3 The Chinese Texts of Magick and Mysticism.

- publica nos E.U.A. (Chicago) Liber LXXVII (Liber OZ).

- Publica nos E.U.A (Nashville) Society Ordo Templi Orientis in America, Manifesto e Society Ordo Templi Orientis in America. Thelemic Political Morality. (segunda impressão)

- publica nos E.U.A. (Nashville) Society Ordo Templi Orientis in America. Of the Political Aims of the O.T.O.

1981

- publica nos E.U.A. The Equinox Vol. 5 n° 4 Sex and Religion.

- publica no Brasil Yoga e Magia. Sendo Livro Quatro Parte I (sendo O Equinoxio No Brasil Vol. 1, No. 2).

1982

- Publica no Brasil "Magia e Misticismo", Livro IV Parte II.

- Publica nos E.U.A Yoga and Magick. Being Book Four Commented Part 1. sendo o The Oriflamme Volume 4 No. 1.

1983

- Motta (Society Ordo Templi Orientis ou S. ordo templi orientis ) entra com um processo contra a editora Samuel Weiser por infração de copyrights relativo a obra de Crowley, em Maine, Portland. Critica vários autores por "piratearem" material de 666 como Israel Regardie.

- Publica nos E.U.A Magick Without Tears Unexpurgated. Commented. Part 1 sendo  The Oriflamme Volume 4, N°. 3. e  Magick Without Tears Unexpurgated. Commented. Part 2 sendo  The Oriflamme Volume 4, No. 4.

- escreve e dirige o filme De Todas as Maneiras.

1984

- Maio - decisão do julamento de Manine: Motta perde a causa.

- 5 de Outubro - escreve o seu testamento em Tennessee, E.U.A.

1985

- Julho - perde os direitos da Ordo Templi Orientis no julgamento nos E.U.A. (Califórnia). Ali afirma que não tinha nenhuma atividade senão a luta pela O.T.O. Retorna ao Brasil inconformado.

- Dirige o filme O Império do Sexo Explícito.

 1986

- publica “Ataque e Defesa Astral”.

1987

- publica no Rio (para os E.U.A.) -  “Thelemic Magick Unexpurgated Commented, Part One” (The Oriflamme, Vol. 4, n° 5).

- 26 de Agosto – falece em Teresópolis. Kali Athena arca com as despesas do enterro.

"I am Nuit, and my word is six and fifty"

 

***

 

Pós 26 de Agosto:


- Dezembro - Canuto retira-se ao silêncio abrindo mão do testamento.

- da S. O.T.O. surgem a H.O.O.R (Holy Order of Ra-Hoor-Kuit por Ray Eales) nos E.U.A e a Parzival XI° O.T.O. Foundation na Austrália (William Barden).

- No Brasil a S.O.T.O. continua ativa até hoje detendo os direitos no I.N.P.I. do lâmem original da O.T.O. .

 

Keron-E

topo