A.·. A.·.
Menu » Probacionista » Apêndice » Glossario
A+-
Probacionista

apêndice

Glossário

 

Kelly, Rose Edith ( 1874 - 1932) - primeira esposa de Crowley, a socialite Rose Kelly também era conhecida como Ouarda, A Vidente. Foi ela que recebeu a comunicação de Hórus sobre a tentativa do deus de entrar em contato com Crowley. Posteriormente, identifica a forma do deus numa estela que estava sob o número de identificação 666.

Separou-se de Crowley em 1910, foi internada num asilo sofrendo de alcoolismo.

Ktéis - conceito associado a vagina, podendo ser uma associação de certas características místico - arquétipicas do órgão.

Kundalini - reserva do poder mágico do ser humano, é representada por uma cobra enrolada na base da coluna que ao manifestar-se, sobe pelas costas.

LAM - ver Kenneth Grant.

Larva Astral - manifestação de uma forma - pensamento negativa no plano astral. Por definição, tudo que ocorre no plano físico e mental tem seu reflexo no plano astral. Quando uma série de pensamentos muito constantes e fortes surgem no plano mental, eles imediatamente manifestam-se no astral, e tendem a acumular-se formando um astrossoma. Dependendo da intensidade e da frequencia dos pensamentos, o astrossoma passa a comportar-se como uma entidade viva, sempre sugando energia do seu criador para não "morrer". Sendo os pensamentos oriundos de uma fonte emocional negativa, transforma-se no que chamamos Larva Astral. Tal larva ficará sempre fazendo-se lembrar a fim de ser alimentada pelos pensamentos de seu criador. Se não houver cuidado, poderá atrapalhar o julgamento da pessoa e até interferir em outra.

Essa é a base de todo ataque e cerimônias mágicas. Quando várias pessoas comungam uma mesma idéia, e a alimentam, o astrossoma cresce e passa e chamar-se egrégora.

Levi, Eliphas - Alphonse Louis Constant , melhor conhecido por seu motto judeu Eliphas Levi, nasceu em Paris no ano de 1810, sendo filho de um sapateiro. Chamou a atenção de um padre francês que o levou para estudar no seminário de Saint Nichols du Chardonnet e posteriormente no Saint Sulpice.

Causou furor na igreja ao pregar doutrinas contrárias as da instituição, ao passar estudar o ocultismo. Foi preso por atividades políticas, casou-se com uma mulher muito mais jovem que ele e teve um filho bastardo. Muito conhecido por resgatar o conceito de Baphomet, dos Templários. Levi abordava uma quantidade muito grande de idéias sobre magia com muita profundidade, porém falava da sexualidade mediante alusões.

Suas principais contribuições no pensamento mágico foram três:

- a de que o homem seria um reflexo menor do universo, o microcosmo.

- o do poder da vontade humana, para ele uma força muito poderosa.

- a da Luz Astral, um tipo de "força" invisível e amorfa que permeia o universo, podendo ser manipulada pela vontade humana, responsável por fenômenos sobrenaturais

Sua literatura é ainda obrigatória para aqueles que desejam iniciar no mundo da magia, apesar da diferença de época que nos separa e da linguagem rebuscada e romântica. Junto a Magia Sagrada de Abramelin o Mago, o Sistema Enoquiano de John Dee e Edward Kelly e a Yoga, foi uma das maiores influências na vida iniciática de Crowley .

Faleceu no dia 31 de Maio de 1875, sendo que seu livro mais famoso foi Dogma e Ritual da Alta magia (disponível em português).

Lilith - “E Lilith, uma macaca preta rastejando na sujeira, correndo com feridas abertas, um olho arrancado, devorado por vermes, com dentes apodrecidos, nariz carcomido, a boca uma massa pútrida de gosma verde, de peitos gotejantes e cancerosos, agarra-o, beija-o. 1

Mata-me! Mata-me! ” 2

A Visão e a Voz - Éter 3º

Comentário:

1 - {Tav}{Yod}{ Lamed}{ Yod}{ Lamed} = 480 = { Tav} { Yod} { Ayin} = Malkuth do nome de quarenta e duas partes em Yetzirah. Também 480 ={ Tav} { Vau} { Ayin} {:Dalet}, Daath no Plural. Lilith é, etimologicamente falando, ‘A Mulher da Noite', no entanto é descrida de várias maneiras por diferentes autoridades no assunto. Para alguns ela é ‘ da cabeça ao umbigo uma mulher---do umbigo aos pés um homem'. Para outros ‘ uma agradável aparência que oculta uma macaca preta, até mesmo uma figura que puxa pequenas imagnes de homens para o inferno' (Liber Ararita II, 10). Também é a ‘ primeira esposa de Adão' i.e. o sucubus que visita nos sonhos os garotos e homens que não se purificaram pelo Coito Correto. Os demônios foram criados (de acordo com a tradição Rabínica) pela contaminação noturna de Adão. Essa é uma parábola verdadeira, pois cada ato sexual produz o seu efeito natural em todos os planos. Todas as formas de experiência espirituais podem ser alcançadas dessa maneira de acordo com o Conhecimento Mágico e Habilidade do Operador. E sempre uma Criança é gerada em algum plano, dependendo das condições do experimento.

2 - O vidente estava fisicamente debilitado pelo horror dessa experiência. Poderia ser visto com surpresa que tal fenômeno aconteça acima do Abismo. Mas essa Lilith está numa forma positiva, criada pelo Magus; visto que Choronzon acaba com todo tipode coerência. Aqui também está um mistério dos mistérios: Lilith é verdadeiramente Babalon, como imaginada pela energia de Maia.

Lilith, Nuit Ma Ahathoor Hecate Sappho Jezebel - filha de Crowley com Rose Kelly, nascida em 28 de Julho de 1904

Macumba - termo reducionista para as práticas religiosas afro-brasileiras ( Umbanda e Candombé), usado quase sempre no sentido negativo.

Maçonaria - fraternidade iniciática de grande influência em todo o mundo. Na idade média, existiam várias Corporações (sindicatos) de Ofício, onde destacavam-se os pedreiros. Eles possuíam a facilidade de deslocamento entre os feudos, pois a requisição de seus serviços era muito grande entre clero e a nobreza, daí o termo " Free Manson" , oriundo do francês, mazzun ( pedreiros).

Inicialmente, formou-se uma influente sociedade relativa apenas as características da profissão e, com transformações geradas pelo tempo, viram-se obrigados a adaptar-se, aceitando pessoas não ligadas a profissão especificamente.

Em 1646, é iniciado o sistema " mágico" da ordem, com a criação do grau de Aprendiz por Elias Ashmole, um ocultista de origem rosacrusiana. Em 1648, compõe o grau de Companheiro, e em 1649 o de Mestre, com base na morte de Hiram, o principal arquiteto do Templo do Rei Salomão.

Oficialmente, a ordem é estabelecida em 24 de Junho de 1717, com a criação da Grande Loja de Londres.

Basicamente, a ordem trabalha em cima da lenda de Salomão, e Hiram Abif, e , em algumas potências, no conceito do homem como divindade, e a não atribuições a conceitos exteriores, já outras, não. Lá, como pedreiros, objetiva-se a construção de uma morada, o Templo de Salomão, um paralelo ao próprio homem.

Dona de ritos próprios, palavras de passe e sinais, a Maçonaria teve um conhecida variação no mundo thelêmico, a ordo templi orientis Derivada do Rito de Memphis e Misraim, ela fora criada por um maçon alemão Karl Kenner, com a adição do componente sexual tântrico.

Basicamente, a ordo templi orientis possui o mesmos segredos principais da Maçonaria, mas nos graus mais altos as mudanças são mais sentidas, principalmente depois da reformulação feita por Crowley, a partir de sua entrada em 1912.

Ver Carta à um Maçon, de Marcelo Ramos Motta.

Magia Sexual - utilização da energia sexual em trabalhos mágicos. Tendo origem provável nas práticas hindus, extendeu-se ao ocidente através de vários expoentes, sendo Crowley o mais conhecido ( principalmente devido a auto-promoção que fazia). A validade de sue trabalho na área está relacionada às suas experimentações, todas anotadas em seus diários. Outro destaque, pelo menos na cultura thelêmica, fica por conta de Karl Kenner ao fundar a ordo templi orientis , utilizando as práticas tântricas sexuais orientais. Posteriormente Crowley filia-se à ordem por descobrir o seu segredo principal: o Grau IX.

A ordem era dividida em 10 graus, sendo que o último era administrativo e os anteriores eram relativos às práticas sexuais respectivamente:

- Grau VIII - masturbação - onde sozinho o magista utilizava a força do orgasmo para alimentar um trabalho mágico ( egrégora ou larva astral) ou como é chamado ritualisticamente, um "filho mágico" (ver sigilo).

- Grau IX - heterossexual - onde um casal heterosexual utiliza a força da relação para alimentar o objetivo, consistindo de intenso controle mental e consumação do Elixir ( fluidos sexuais de ambos) na geração do "filho".

Posteriormente Crowley adciona o décimo primeiro, de características masculinas (bissexuais), onde a projeção e recepção da força masculina é utilizada, onde a mulher não pode executa-lo devido a sua natureza passiva ( não podem manifestar a penetração).

A antiga Fraternitas Saturni a utilizava na manifestação da egrégora da ordem ( Ghotos), e Marcelo Motta possuia suas teorias sobre o processo. Segundo ele, o XIº poderia sevir de porta entre a OTO e A.·.A.·. ( 8° = 3° ) e Kenneth Grant possui suas próprias teorias do XI, utilizando os "Kalas".

Os rituais da ordem, bem como seu mais famoso segredo, foram todos publicados em 1973, por Francis King no livro " The Secret Rituals of the ordo templi orientis ", editora Samuel Weiser.

Facilmente mal interpretada (devido a repressão e ignorância sobre o sexo e suas consequencias), a magia sexual, foi (e ainda é) utilizada para satisfações de desejos ou perveções sexuais de pessoas mal intencionadas.

Ver também, Moonchild e Liber 49.

Marca da Besta - formada pela estrela de sete pontas de Babalon, e o Sol unido com a Lua, representa a Besta conjugada com Babalon. O Sol é a força criativa do universo ( macrocosmo) e o Phallus no homem ( microcosmo).

A Marca da Besta (Rev. 13:16) é uma atualização da Marca de Cain (Gen. 4:15). Therion tratou de esclarecer o seu significado adaptando ao Novo Æon: um símbolo de luz e poder, a Grande Obra.

Memes - ver Noosfera

Necromancia - trata-se da relação de comunicação e utilização dos mortos para determinados fins. Vários sistemas religiosos ou mágicos a ultilizam, com destaque para o Espiritismo, Candomblé, Umbanda e Voodoo.

Neuburg, Victor Benjamin - nascido em 6 de Maio de 1883, foi o poeta com quem Crowley possuiu um caso homossexual, sendo seu parceiro mágico em alguns rituais, utilizando o grau XI, dentre eles O Trabalho de Paris, A Visão e a Voz.

Crolwey o conheceu via um amigo comum, J.C.Fuller, na Universidade de Cambridge em 1909. Rapidamente decidiu que Neuburg deveria passar por um "retiro mágico" de dez dias, na sua casa na Escócia, Boleskine. Anos mais tarde, em 1914, houve um atrito entre ambos, mas Crowley não exclareceu o motivo.

Neuburg casou e posteriormente incentivou a carreira de um poeta inglês chamado Dylan Thomas. Encontrou Crowley pela última vez numa biblioteca: estava lendo um livro com uma amiga quando ele entrou. Tomado pelo nervosismo, saiu rapidamente antes que fosse visto. Morreu em 30 de Maio de 1940.

São conhecidos dois de seu mottos: Ominia Vincam ("Eu conquistarei tudo", como Neófito ) e Lampada Tradam ("Eu Passo pela Tocha", como Zelator).

Nietzsche - filósofo alemão de grande influência no pensamento de Crowley, principalmente na questão da força de vontade humana e do conceito de homem superior (Übermensch). Ambos pensavam de maneira semelhante e em “Assim Falou Zaratustra”, Nietzsche expõe o conceito do homem perfeito como aquele que encontra a si mesmo, superando os obstáculos que a vida lhe impõe (o “espírito do peso”), a auto superação moral. Para Nietzsche, o homem superior é aquele capaz de voltar-se para dentro de si mesmo, ainda que o que ele encontre não pareça nada agradável. A coragem é o motor que o move após a perda de tudo, pois ao nos defrontarmos com nós mesmos, despertamos forças que a maioria não é capaz de lidar: “Quando você olha para o abismo, o abismo olha pra você”.

A vida de Nietzsch nos explica o seu ponto de vista: possuía saúde frágil, o que durante toda sua vida fora um obstáculo constante a ser superado. Seu último livro fora escrito com a ajuda de um devotado amigo, pois não podia mais enxergar e apenas podia ouvi-lo ditar o que escrevia.

De modo geral, Crowley tinha grande admiração pelo povo alemão, e considerava Nietzsche "um avatar do deus Thoth" (deus da sabedoria egípcio).
Uma indicação prévia para aspirante a Thelema seria a leitura de dois livros: “Assim falou Zaratustra” que expõe os princípios do homem thelêmico, e “O Anticristo” onde conhecemos aquilo que devemos rejeitar (não se enganem, Nietzsche chega a ter simpatia pela figura de Cristo).

Noosfera - espaço imaginário postulado pelo filósofo francês Teilhard de Chardin no livro The Phenomenon of Man, nos anos 20. Segundo Chardin existe um lugar onde as idéias, elementos culturais e manifestações teóricas habitam chamada Noosfera. Quando pensamos, discutimos ou formulamos qualquer conclusão alimentamos essa região. Por outro lado somos influenciados por esse mundo já que ele é constantemente acessado pela psiquê humana. Ao mesmo tempo que o alimentamos ele nos usa.

Outra teoria semelhante foi formulada 50 anos depois pelo zoólogo Richard Dawkins : os memes. Segundo Dawkins, em seu livro o Gene Egoísta, os memes são as menores partículas de transmissão cultural que funcionam como um gene: tendem a replicar-se. Quanto mais eficiente uma idéia mais ela propaga-se por um sistema cultural. A eficiência está ligada a temas biológicos como sobrevivência e reprodução. A religião é um exemplo de memes bem como ideologias políticas e artísticas. Alguns agem de forma tão intensa em certas pessoas que algumas chegam a morrer por eles.

Em magia alguns conceitos assemelham-se as teorias de Chardin e Dawkins: o plano astral, arquivo akástico, larvas astrais e egrégoras, por exemplo.

A internet seria um paralelo ideal a Noosfera: um mundo constituído de informações podendo ser acessado por qualquer um. O problema é saber diferenciar e usá-las corretamente.

N.O.X. - 'Noite' em latim, representa no pensamento thelêmico um alto estágio de consciência característico dos graus acima do Abismo na Árvore da Vida, a 'Noite de Pan', sendo o trabalho de todo Adepto da Santa Ordem em oposição aos dos graus elementais que objetiva LVX. Segundo 666: "N.O.X., e este O é identificado com o O nesta palavra. N é o símbolo da Morte no Tarô; e o X, ou Cruz, é o signo do Falos. Para um comentário completo sobre Nox, ver Liber VII, Cap. I. Nox soma 210, o que simboliza a redução da dualidade à unidade e, portanto, à negatividade; consequentemente é um hieróglifo da Grande Obra. Uma aplicação prática seria de purificação, pois em Liber 418 ,  20º Æthyr, 666 recebeu essa palavra no sentido numérico, 210, ‘para destruir todos os símbolos positivos, pois a verdadeira Roda é o círculo, a própria Nuit’;

Ordálio (ou ordália) - provação cujo objetivo é fazer com que o iniciado evolua. Lembrando que a A.·. A.·. é mais uma ordem de ordálios do que ensinamentos convencionais.

O.T.O - ordem de origem maçônica da qual Crowley fez parte.

ver ordo templi orientis e Ecclesia Gnostica Catholica.

Pessoa, Fernando - famoso escritor português, Fernando Pessoa possuia um grande interesse pelo ocultismo, chegando a corrigir o mapa astral de Crowley. Intrigado com tal personalidade, Crowley encontrou-se com ele que o ajudou numa simulação do suicídio da Besta. Traduziu algumas obras de Crowley, dentre elas Hino à Pã.

Phallus - mais vulgarmente conhecido com pênis, podendo ser uma associação de certas características místico - arquétipicas do órgão.

Regardie, Israel - conhecido autor de livros sobre magia. Passou por várias ordens ao estilo Golden Dawn durante toda a sua carreira. A primeira foi a Societas Rosicruciana in America onde foi iniciado Neófito da ordem em março de 1926; no segundo estágio da SRA, após ler o Livro IV de Aleister Crowley entrou em contato com 666 que o chamou para ser o seu secretári,o viajando para a França. Apesar de insistir, Therion não ensinou magia para Regardie que foi obrigado a buscar por conta própria. Em 1932, Crowley foi expulso da França e o relacionamento foi encerrado.

Depois disso manteve contato com Dion Fortune, entrou para o Templo de Hermes da Aurora Dourada e para a Stella Matutina. Passou então a escrever livros de sucesso terminando seus dias como psicanalista. Foi bastante criticado por Marcelo Motta por causa das publicações "piratas" de materiais de Crowley.

Segundo Alan Richardson - em Aleister Crowley and Dion Fortune: The Logos of the Aeon and the Shakti of the Age - Regardie deixou Crowley de forma meio rancorosa e nunca foi um Thelemita preferindo chamar-se de "Homem da Golden Dawn". Mas, posteriormente em seus livros, tratou bem a obra de 666.

Rei Salomão - figura bíblica conhecida na cultura mundial, sua lenda muito influenciou o mundo da magia, principalmente a Maçonaria. Segundo a lenda hebraica, foi filho do rei Davi, e ganhou uma graça de Deus por ser correto e digno ( ao oferecer-lhe ouro, pediu sabedoria). Tornou-se o mais rico dos reis da Terra. Com um anel que ganhou do anjo Raphael, ele invocou, dominou e catalogou 72 demônios da Goethia, fazendo para cada um selo, os famosos Selos de Salomão, no seu magnífico templo.

Rosacruz - mito ou conceito mágico derivado da lenda de Christian Rosenkreuz ( ou Rosycross), surgido na Alemanha no sec. XVII.

Através de dois folhetos ( Fama fraternitatis e Confessio) a história foi explicada do seguinte modo: Rosenkreuz, um nobre alemão viajou para o oriente onde foi recebido e instruído por sábios durante um período de três anos traduzindo um livro misterioso chamado M. Continuando suas viagens, efetuou contato com " habitantes elementais" que passaram-lhe vários segredos.

Ao retornar ao seu país, fundou a Fraternidade Rosa Cruz.

Após sua morte, a localização de seu túmulo foi esquecida. 120 anos depois, durante uma obra no templo da ordem, descobriram uma parede oculta com uma inscrição: " serei aberta depois de 120 anos ( Post CXX Annos Patebo)". Ao abrirem o túmulo, acharam o corpo em perfeito estado, junto com livros, espelhos mágicos e outros ítens. Hoje, várias ordens clamam ser sua verdadeira representante.

Satanismo - sistema fundado por Anton Szandor LaVey em abril de 1966, nos E.U.A. Como várias fraternidades iniciáticas, prega a liberdade do homem através da imposição de sua vontade no universo em que vive. Valem-se da figura sensacionalista de Satã, não o conceito católico maligno, mas sim um arquétipo de liberdade comportamental. Basicamente pode ser descrito como uma releitura superficial do sistema thelêmico.

www.churchofsatan.com

http://mortesubita.ifrance.com/mortesubita/jack/sat/satanismo.htm

Sigilo - método de energizamento de um trabalho mágico desenvolvido por Austin Osman Spare. Consiste no seguinte procedimento:

- escreva o seu desejo ( o mais objetivo possível), elimine as letras repetidas e, com as outras, monte uma figura ( desenho ou símbolo) que em nada lembre as letras. Utilizando qualquer método de gnose ( masturbação por exemplo), na hora do estado alterado de consciência, fixe no desenho ( o mais difícil é ficar apens com o objetivo em mente, sem nenhum outro pensamento). O objetivo é eliminar o consciente, e mandar o objetivo para o inconsciente direto, gerando o "filho mágico", porém, o objetivo deve ser esquecido o mais rápido possível.

Guarde o desenho e queime quando o desejo se realizar.

Soror - irmã

Synoches - uma das três inteligências celestiais ou arcanjos caldeus. As outras são Iuges e Teletarchae. Ver Liber XXV.

Teletarchae - ver Synoches.

Thelema - palavra grega para Vontade e nome do sistema desenvolvido por Aleister Crowley, e trazido ao Brasil pela F.R.A. ( Fraternitas Rosacrucis Antigua) nos anos 20 porém apenas internamente, cabendo a Marcelo Motta o crédito pela divulgação externa em nosso país.

Ver Thelema

Thoth, Macaco de - Leah Hirsing, uma das Mulheres Escarlates de Crowley, durante seu período em Cefalu, Cicília.Sob o motto de Alostræl, ela recebeu o juramento de Crowley do grau de Ipsíssimus ( o Voto da Sagrada Obediência) cujas preliminares iniciaram em 1920.
To Mega Therion - último motto de Crowley, adotado quando atingiu o grau de Magus. Significa "A Grande Besta" em grego.

Tuli, Sociedade de - sociedade mística da qual Hitler retirou alguns conceitos utilizados na formulação de sua filosofia.

Umbanda - sistema religioso sincrético de base africana, fundado em 1904 que junta elementos do Espiritismo, Candomblé, Cristianismo, Hinduismo. Mais conhecido por seus "guias": Preto Velho, Cabolclo e Criança. Trabalha inclusive com guias de características raciais e culturais como ciganos, guias de linhas do oriente, exus cruzados ( exu mais alguma outra linha) e outros.

Watts, Alan - lider da contracultura nos anos 60 e escritor de livros sobre psicologia da religião, filosofia. Possuia um comportamento boêmio e ficou conhecido por suas atividades sexuais, uso de LSD, álcool e tabaco. Indentificou-se muito com a filosofia Zen.

Weishaupt, Adam - fundador dos Iluminati.

Wicca (witchcraft) - sistema de magia desenvolvido por Gerard B.Gardner, onde tem como referência o Livro das Sombras. Gardner foi discípulo de Crowley (durante os dois últimos anos de vida deste) que o ajudou na escritura do livro.Também adcionou elementos de magia oriental devido aos seus anos vividos na Malasia, após a "bruxaria" ser proibida na Inglaterra É um sistema muito popular entre mulheres., visando ao culto as forças da natureza e a "Grande Deusa".

Wilber, Ken - transcende a obra de Jung, a Psicologia Transpessoal, tentando descrever os procesos de alteração da consciência, as famosas "iluminações". Ken Wilber compara a consciência as variações de comprimento de onda do espectro eletromagnético: manifesta-se por diversos níveis ou faixas, oriundas da noção dualista da Realidade. Segundo ele, a principal causa da incompleitude humana está na abordagem equivocada feita pela maioria da humanidade: o dualismo. A divisão entre sujeito e objeto. Na verdade, a realidade é fruto de nossa própria percepção, e esta muda de acordo com as alterações de consciência. Então, quanto mais nos aproximamos do conceito da unidade universal, da não diferença entre sujeito e objeto, do não-dualismo, nos aproximamos da iluminação perfeita. O sofrimento pregado pelos budistas, a queda do homem segundo o judaísmo, Maya segundo os hindus, a Sombra Junguiana, são resultado da abordagem dualista da Realidade. Esta unidade de compreensão não pode ser descrita, pois as próprias palavras são dualistas, ela dever ser vivenciada por cada um. No máximo podemos ensinar métodos, apontar caminhos para que outro obtenha a mesma percepção.

No seu primeiro livro, O Espectro da Consciência, Wilber expõe os conceitos acima, primeiramente valendo-se das conclusões feitas pelos físicos após a Revolução Quântica no início do sec. XX, para depois confirmar com as milenares afirmações das filosofias orientais e judaico/cristãs. O pontapé inicial poderia ser indicado através do Princípio da Incerteza de Heinsenberg, onde ele prova que a própria observação de um fenômeno o altera, gerando uma falsa Realidade.

Zos Kia - ver Austin Osman Spare.

 

Keron-E

« voltar 

 

topo