A.·. A.·.
Menu » Probacionista » Apêndice » Golden Dawn » Iehi Aour
A+-
Probacionista

apêndice

Iehi Aour

O farmacêutico inglês Allan Bennett nasceu sagitariano em 1872. Foi o primeiro instrutor de Aleister Crowley na Golden Dawn , onde o conheceu em Janeiro de 1899, no templo Isis Urânia, e posteriormente seu guru, com destaque no uso de drogas e no ensino da Cabala . Teve uma relação muito estreita com seu instrutor e pai adotivo S.L. Mathers.

Um indivíduo determinado a realização espiritual, era pobre ( renunciou a seus bens na viagem a Shanga ) e não se importava com isso, ao contrário de seu discípulo fanfarrão . Em grande parte, foi isso que o atraiu em Benneth , o seu total compromisso com a Grande Obra e a sua maneira totalmente oposta de ser.

Benneth mudou-se para o apartamento de Crowley, e passou a ensina-lo tudo o que sabia sobre magia. Sofria de um sério problema de asma, que o forçou a mudar-se para um local com clima mais ameno. Crowley poderia pagar facilemente sua passagem para Ásia, porém resolveu recompensa-lo de outra maneira os ensinamentos que recebera: ele e G.C.Jones invocaram Buer , um demônio da Goetia para judar na doença de Benneth . Como não se materializou na forma adequada, acharam que falharam na invocação. Mas, segundo Crowley, " coisas milagrosas começaram a acontecer" facilitando a viajem de Allan ao Ceilão.

Deixando todas as suas coisas com Crowley, tornou-se budista, e passou-o atutela de Jones .

No seu pequeno quarto de fundos, possuía apenas uma mesa com alguns livros e seu bastão mágico. Aos 23 anos obtém a conversação com seu Sagrado Anjo Guardião. Deixando a Inglaterra, foi para o oriente onde estudou Budismo no Situ , Shanga e Burma. Nesse período trocou seu nome para Swami Maitrananda e posteriormente Bhikku Ananda Metteya . Recebe a visita de Crowley e o inicia nas práticas orientais. Posteriormente volta a Inglaterra e introduz o budismo no ocidente, com a abertura de um templo.

No final da vida, graças a sua asma, Benneth parecia resignado com seu fim e sentia-se cansado de sua vida neste mundo. Tentou embarcar em direção a um clima mais agradável, porém o capitão não quis levar alguém com uma doença grave como a dele. Deixou seu templo e diários aos discípulos e morreu quase que instantaneamente tendo severas convulsões devido a doença.

Benneth nos deixou a impressão de ser apenas alguém de passagem sobre a Terra , pois sua mente e consciência, não estavam direcionados à este plano.

 

Keron-E

topo